Horta caseira - 6 verduras que você tem de ter em sua casa

12/03/2016 12:10

CPT - Centro de Produções Técnicas

Agrião, rúcula, espinafre, azedinha, escarola e couve são algumas verduras cultivadas em ambientes domésticos. Necessitam de poucos cuidados e podem ser cultivadas sem o uso de agrotóxicos

Se você é do tipo que não abre mão de uma alimentação saudável, adora alimentar-se de verduras frescas nas refeições e, ainda, encara os trabalhos manuais como uma terapia, então você não pode deixar de fazer a sua própria horta. Agrião, rúcula, espinafre, azedinha, escarola e couve, por exemplo, são algumas verduras facilmente cultivadas em ambientes domésticos. Elas necessitam de poucos cuidados e podem, ainda, ser cultivadas sem o uso de agrotóxicos. Então, saiba mais sobre os benefícios de cada uma e faça a sua própria horta!

1- Agrião
Horta caseira - 6 verduras que você tem de ter em sua casa


O agrião tem baixo teor calórico, é fonte de provitamina A (especialmente betacaroteno), possui grande quantidade de vitamina C, vitaminas do complexo B e, ainda, sais minerais. É indicado para o tratamento de diabetes, para baixar a taxa de açúcar, dermatoses, cicatrização das placas escorbúticas e escrofulosas, atonia intestinal, raquitismo, escrofulose e afecções esabúticas, broncopulmonares e da pele, desobstruente do fígado em cataplasma, é indicado nas feridas de mau caráter. É largamente utilizado em formulações de loção para a calvície.

Dicas de plantio

Geralmente é cultivada em canteiros, com o solo saturado de água por meio de irrigação, e cobertos por uma fina camada de esterco de curral.

2- Azedinha
Horta caseira - 6 verduras que você tem de ter em sua casa


A azedinha contém a mesma substância benéfica encontrada nos vinhos: o resveratrol. Seu consumo previne doenças cardiovasculares, fortalece as defesas do organismo, combate os radicais livres, impede o envelhecimento celular precoce, protege as células do fígado, e dificulta o aparecimento de alguns tipos de câncer. A quantidade recomendada pelos especialistas para o consumo é de uma xícara (chá) da azedinha, três vezes por semana. A planta deve ser evitada por pessoas com cálculos, artrite ou reumatismo.

Dicas de plantio

Desde que haja umidade, seu cultivo pode ser realizado o ano inteiro. Apesar de rústica e de poucas exigências, a azedinha necessita de água, sobretudo nos meses de seca. Como é geralmente cultivada em áreas pequenas, os tratos com a hortaliça são feitos manualmente.

3- Couve
Horta caseira - 6 verduras que você tem de ter em sua casa


A couve é rica em minerais (cálcio, ferro e fósforo) e vitaminas (A, complexo B e C). Combate problemas digestivos, enfermidades do fígado, cálculos renais, menstruação dolorosa, artrite, bronquite, além de curar úlceras estomacais. A couve alivia a prisão de ventre, evita a má disposição e alivia dores causadas pelas úlceras gástricas.

Dicas de plantio

Embora seja uma planta herbácea de clima frio, a couve é resistente para se desenvolver em locais com temperatura acima dos 25 ºC. No entanto, em regiões quentes, a recomendação é cultivar a hortaliça durante o outono e o inverno e em área com parte sombreada.

4- Escarola
Horta caseira - 6 verduras que você tem de ter em sua casa


A escarola é ótima fonte das vitaminas antioxidantes C e E, de vitaminas B e de minerais como o cálcio, o potássio, o fósforo, o ferro. É rica também em carotenoides. O consumo de escarola regula o intestino, evita infecções no sistema respiratório, digestivo e urinário, preserva a saúde dos ossos, cuida do coração, facilita o emagrecimento e reduz o risco de tumores (principalmente do intestino e estomago).

Dicas de plantio

A escarola se desenvolve bem em canteiros de horta, adubados com esterco de curral ou de galinha, que precisam ser irrigados quando há escassez de chuva. Durante 15 dias, no entanto, evite molhar as folhas da escarola, para que o centro da planta não fique úmido.

5- Espinafre
Horta caseira - 6 verduras que você tem de ter em sua casa


É fonte de ácido fólico, possui alto teor de potássio e baixo teor de sódio. É rico em ferro, vitaminas A, B1, B2, B5, C, D, E, K, cálcio, fósforo, potássio, magnésio, ferro, sódio, enxofre, cloro, silício e antioxidantes. O espinafre atual bravamente na formação dos dentes e ossos, na construção muscular, na coagulação sanguínea, na conservação da visão, na manutenção da  pele, na proteção do aparelho digestivo, na saúde do sistema nervoso, previne a desnutrição e anemias e, ainda, proteje o sistema cardiovascular. Por conta de todas essas propriedades, é indicado para pessoas com anemia e desnutrição, além de ajudar no combate à pressão arterial alta e cálculos renais.

Dicas de plantio

O Espinafre prefere climas amenos, mas tem boa resistência ao calor. Gosta de boa exposição solar variando entre a meia sombra e a exposição total. É muito pouco exigente no que diz respeito ao tipo de solo e adapta-se bem em todos os tipos, gosta de rega (que deverá ser a cada dois dias no canteiro), mas diárias na sementeira.

6- Rúcula
Horta caseira - 6 verduras que você tem de ter em sua casa


A rúcula tem baixo teor de gordura, é excelente fonte de proteína, apresenta as vitaminas A, B, C e K, e minerais, como ferro, potássio, fósforo, manganês, cobre, zinco e magnésio. As folhas  da rúcula são antianêmicas, antiasmáticas, antiescorbúticas, depurativas, digestivas, diuréticas e aperientes.

Dicas de plantio

A rúcula necessita de solo bem drenado, rico em matéria orgânica, fértil e com acidez baixa.


Por Silvana Teixeira.
Fontes: Globo Rural, Melhor com Saúde, Plantas que Curam, M de Mulher, Infoescola, Receita Natural e Bolsa de Mulher.

Artigo postado no site: www.cpt.com.br

CPT - Centro de Produções Técnicas

—————

Voltar