Alimentação viva ajuda a emagrecer e é ótimo para a saúde

09/03/2016 10:46

CPT - Centro de Produções Técnicas

Na alimentação viva come-se muito bem, inclusive alimentos calóricos e ainda assim o emagrecimento ocorre por desintoxicar o corpo e por ocorrer uma restrição calórica natural

Você já ouviu falar em alimentação viva? Se ainda não, aí vão os esclarecimentos: trata-se de um conceito, um estilo de vida no qual as pessoas optam por uma alimentação mais saudável, deixando de ingerir produtos industrializados, processados quimicamente e refinados, para comerem mais frutas e vegetais, seguindo formas específicas de preparo. É permitido tudo aquilo que vem da natureza, orgânica em sua maior parte, não-cozida, onde os alimentos estão no seu estado natural e que não vêm de origem animal. Na alimentação viva come-se muito bem, inclusive alimentos calóricos como nuts (oleaginosas), azeites e óleos essenciais e, ainda assim, o emagrecimento ocorre por desintoxicar o corpo e por ocorrer uma restrição calórica natural.

Alimentos orgânicos, superalimentos (spirulina havaiana, chlorella, pólen de abelhas, óleo de coco, goji berries, cacau orgânico, entre outros), frutas (limão, macas, laranjas, abacates, bananas e coco verde), vegetais (couve, espinafre, alface, pepinos, salsão, salsa, abobrinha, cebola, tomate e pimentões), ervas (menta, manjericão, alecrim, orégano) e oleaginosas (nozes, castanha do pará, amêndoa, macadâmia, semente de abóbora, girassol, linhaça e chia) não podem faltar aos adeptos da alimentação viva. Contam ainda com a ingestão de grãos (sarraceno, trigo comum, lentilha, grão de bico), manteigas vegetais (de gergelim, amêndoa, e castanhas), óleos (azeite de oliva, óleo de linhaça, óleo de coco extravirgem, óleo de gergelim não torrado), sais (sal rosa do Himalaia e sal celta), condimentos (vinagre balsâmico, vinagre de maçã, shoyo, misso), temperos (curry, cúrcuma, açafrão, gengibre, pimenta, alho em pó, noz-moscada, gengibre seco), frutas secas (ameixas, damascos e tâmaras), e adoçantes naturais (agave, stevia, e mel orgânico).

Alimentação viva ajuda a emagrecer e é ótimo para a saúde


Esta filosofia de vida vem se despontando em todo o país e, atualmente, conta com vários níveis de adeptos. Entre seus benefícios, destacam-se:

1- A alimentação viva previne o organismo de doenças crônicas e melhora a função celular;
2- A alimentação viva é rica em clorofila, que no homem melhora a circulação, faz a oxigenação celular e, por ser rica em magnésio, atua no processo de equilíbrio ácido básico do corpo.
3- A alimentação viva é rica em enzimas vegetais e por isso faz o corpo funcionar melhor e proporciona aumento de energia e melhora na digestão.
4- A alimentação viva é rica em água. Por hidratar mais o nosso organismo, ela ajuda a melhorar a absorção celular.
5- A alimentação viva traz ao corpo os melhores óleos da natureza necessários para o funcionamento celular, melhorando funções neurológicas, prevenindo doenças inflamatórias.
6- A alimentação viva é totalmente alcalina, gerando a condição ideal para o sangue e, portanto, para o funcionamento celular.
7- A alimentação viva, por ser rica em frutas, fornece ao organismo muitas vitaminas. Além disto, as frutas fornecem o sabor doce a muitos pratos e saciam o paladar.
8- A alimentação viva, por ser rica em folhas, fornece ao organismo muitos minerais e proteínas.
9- A alimentação viva impõe moderação quanto ao consumo de grãos por serem antinutricionais.
10- A alimentação viva, por proibir uma série de alimentos industrializados e nocivos à saúde, ajuda o organismo a manter as células vivas, portanto, atua positivamente contra o envelhecimento do organismo.

Alimentação viva ajuda a emagrecer e é ótimo para a saúde


A alimentação viva tem capacidade de fornecer uma gama de nutrientes e supernutrientes que uma alimentação convencional não tem. Além disso, previne e ajuda no tratamento de doenças como câncer, diabetes, depressão, doenças cardiovasculares, hiperatividade, déficit de atenção, esclerose. Esse tipo de alimentação regula o corpo, restabelece as funções fisiológicas e equilibra o terreno biológico, principalmente naquilo que diz respeito à saúde do sistema imunológico e nervoso.


Por Silvana Teixeira.
Fonte: Clic RBS Barra de Cereal.


Leia mais:www.cpt.com.br

 

CPT - Centro de Produções Técnicas

—————

Voltar